Centre-se em ...

A caspa, um duplo fenómeno, inflamatório e bacteriano.

Resources\Visuels\V4\Headers\Articles\INT\v_header_focuson_default.jpg

A caspa é um sinal de inflamação bacteriana do couro cabeludo. Esta inflamação traduz-se na renovação das células num ritmo muito acelerado. As células mortas formam películas inestéticas, a caspa. Existem cuidados e gestos essenciais adaptados que permitem recuperar um couro cabeludo saudável.

Sintomas

Uma renovação celular acelerada

A caspa é consequência de uma hiperdescamação do couro cabeludo. A cada 14 dias, as células do couro cabeludo renovam-se naturalmente. Estas são eliminadas sob a forma de escamas minúsculas e invisíveis. No entanto, sob a influência de determinados factores, esta renovação pode ser acelerada. Começam a formar-se películas de células mortas: a caspa. Trata-se de uma problemática frequente, raramente grave, mas inestética. Existem dois tipos de caspa:  

  • caspa seca: pequena, fina, de cor branca, cai como flocos de neve sobre os ombros.
  • caspa oleosa: mais espessa e de maior dimensão, de cor amarelada, cola-se ao cabelo e ao couro cabeludo.
A caspa é, por vezes, acompanhada de irritação e prurido.

Causas

Na origem, um fungo microscópico

O responsável pela caspa é um fungo microscópico chamado Malassezia. Quando prolifera, este provoca uma inflamação. Como reacção, produz-se um fenómeno de hiperdescamação.

Vários são os factores que podem contribuir para esta proliferação:

  • factores externos: humidade, brushings sucessivos, produtos agressivos, água cálcária...
  • factores internos: stress, desequilíbrio hormonal, alimentação desiquilibrada...
Verdadeiro ciclo vicioso, o prurido e as irritações ajudam a manter a descamação e a desenvolver o fungo Malassezia. 

Por outro lado, existem outras patologias como a psoríase, que também fazem-se acompanhar por descamação, convém tratá-las.

Cuidados

Como eliminar a caspa?

Cuidados

Como eliminar a caspa?

Os champôs anticaspa são uma solução eficaz contra a caspa. As suas fórmulas travam a proliferação dos micro-organismos responsáveis  pelo aparecimento da caspa. Podem ajudar a soltar melhor a caspa, graças aos seus agentes esfoliantes.

Para prevenir recidivas, aconselha-se:  

  • a utilização de cuidados adaptados, não decapantes, que respeitem o couro cabeludo

  • evitar produtos e gestos agressivos que fragilizem o cabelo

  • uma boa higiene de vida com uma alimentação equilibrada


Não hesite em consultar um dermatologista, para mais informações, em caso de caspa persistente..

Os champôs anticaspa são uma solução eficaz contra a caspa. As suas fórmulas travam a proliferação dos micro-organismos responsáveis  pelo aparecimento da caspa. Podem ajudar a soltar melhor a caspa, graças aos seus agentes esfoliantes.

Para prevenir recidivas, aconselha-se:  

  • a utilização de cuidados adaptados, não decapantes, que respeitem o couro cabeludo

  • evitar produtos e gestos agressivos que fragilizem o cabelo

  • uma boa higiene de vida com uma alimentação equilibrada


Não hesite em consultar um dermatologista, para mais informações, em caso de caspa persistente..

  • Facebook
  • Pin

Recomendada para si

Ver todos os artigos