3 questões ao Especialista

Em matéria de unhas frágeis, procuro investigar sempre os factores exteriores que possam estar a alterar a queratina.

Resources\Visuels\V4\Headers\Articles\INT\v_header_3questions_default.jpg

A fragilidade das unhas é muito frequente, sobretudo nas mulheres. O aspecto das unhas torna-se inestético e surgem incómodos frequentes no dia-a-dia. Existe solução para combater este tipo de situação. O resumo do dermatologista.

Como se apresentam os seus pacientes com unhas frágeis?

Os meus pacientes queixam-se de uma grande dificuldade em conseguir agarrar objectos finos.

É frequente as unhas agarrarem-se aos tecidos. O seu aspecto varia, podendo apresentar-se partidas transversal ou fissuradas longitudinalmente; chegam a revelar um agravamento das estrias naturais; ficam moles; com um aspecto translúcido.

Qual a origem da fragilidade das unhas?

A queratina da unha é produzida ao nível da matriz da unha.

A solidez da unha depende da qualidade da produção queratina. Se a hidratação da placa ungueal diminuir, isso torna a unha mais flexível e mais quebradiça. Devem indentificar-se os factores externos que possam estar a alterar a queratina: o trabalho frequente dentro de água; o contacto com substâncias químicas ou traumatismos repetidos das unhas.

Que soluções propõe?

Aconselho actuar-se nos factores que provocam a fragilidade.

Recomendo: hidratação, sempre que se lavem as mãos ou se tome banho; a utilização de luvas nas tarefas realizadas com humidade; cortar-se as unhas muito curtas e limá-las para ficarem arredondadas; podem usar-se vernizes;  os endurecedores deverão ser aplicados na zona livre da placa ungueal. Prescrevo, preferencialmente, gelatina ou aminoácidos sulfurados para favorecer a produção de uma queratina mais sólida.

  • Facebook
  • Pin

Recomendada para si

See all articles