3 questões ao Especialista

O tratamento localizado da psoríase pode revelar-se suficiente.

Resources\Visuels\V4\Headers\Articles\INT\v_header_3questions_default.jpg

A psoríase é uma patologia inflamatória crónica da pele que evolui por crises mais ou menos extensas. Existem actualmente várias soluções terapêuticas eficazes. Os produtos dermocosméticos podem desempenhar um papel importante na melhoria da qualidade de vida dos pacientes.

Como se manifesta a psoríase nos seus pacientes?

Através de placas vermelhas que descamam significativamente.

Existe uma grande diversidade na intensidade, evolução e localização das placas nestes pacientes. No entanto, existem pontos comuns: afecta com frequência o couro cabeludo, os cotovelos, os joelhos e a parte detrás das pernas. A descamação torna-se demasiado incómoda e é frequente fazer-se acompanhar por prurido.

Qual a abordagem indicada para estes pacientes?

A primeira medida do dermatologista é avaliar a gravidade da psoríase.

Avalia-se a extensão e a intensidade das lesões. O questionário ao paciente permite verificar o impacto na qualidade de vida familiar, social, afectiva e profissional. O tratamento localizado pode revelar-se suficiente. Nos casos mais graves, propõe-se sessões de fototerapia ou um tratamento por via geral, mais forte.

O que aconselha em termos dermocosméticos?

Os produtos dermocosméticos são muito eficazes a nível da descamação e do prurido.

Aconselho produtos hidratantes com ureia, para hidratar e reduzir a intensidade das escamas. Evito os produtos oleosos, mal aceites por este tipo de paciente. Para o couro cabeludo: champôs com activos queratolíticos, que ajudam a eliminar as placas de descamação. Recomendo a limpeza da pele com suavidade, com produtos Syndet, preferencialmente no banho.

  • Facebook
  • Pin

Recomendada para si

See all articles